O que acontece se você não colocar o seu telefone no modo avião antes de voar?




Quando você se prepara para uma viagem de avião, possivelmente vai ficar impedido de acessar a internet e conferir seu Facebook ou manter as conversas do WhatsApp ativas. Hoje em dia, algumas aeronaves oferecem o serviço de internet por meio de wi-fi, mas o recurso ainda não é presente em todos os aviões.
Com tanta tecnologia disponível, os celulares ainda precisam ser colocados no modo avião durante as viagens. Mas por que isso é necessário?
Muita gente diz que as frequências do sinal de celular podem afetar os sistemas dos aviões, causando problemas durante o voo ou até mesmo acidentes graves, enquanto outros acreditam que isso seja lenda. No fim das contas, o que é boato e o que realmente acontece quando você não coloca o seu telefone no modo avião, dentro de um avião?

Interferência de sinal



Grande parte das pessoas pode achar que ativar o recurso tecnológico é desnecessário, mas não é bem assim. Se você acredita que apenas o sinal do seu celular não é suficiente pra interferir no funcionamento dos equipamentos de comunicação de um avião e nunca irá ser responsável por um acidade, você pode ter um pouco de razão, mas não está tão livre assim de responsabilidades.
Seu telefone é capaz de provocar alguns ruídos incômodos que vão atrapalhar a comunicação entre pilotos e controladores de tráfego aéreo. Apesar disso, provavelmente as interferências não serão tão graves a ponto de provocar alguma medida contra você.
Isso acontece porque as emissões de rádio dos sinais de celulares podem chegar até 8W, o que é forte suficiente para criar a interferência e os ruídos inesperados nos canais de comunicação da aeronave.

Poluição sonora




Para ter uma ideia de como é o ruído da interferência, basta buscar na memória um tipo de som incômodo que possivelmente você já conhece. Sabe quando um celular está próximo de uma caixa de som ou outros equipamentos eletrônicos e acaba provocando um grunhido inesperado que interrompe ou se mistura à música? É desse tipo de interferência que estamos falando.
De fato, o ruído não é tão forte e suficiente para provocar uma verdadeira tragédia numa aeronave, mas é definitivamente irritante para quem precisa se concentrar no controle da aeronave. Além disso, quando pilotos e torres de comando precisam trocar informações vitais, qualquer segundo perdido ou mal interpretado pode ser essencial.
É claro que os próprios equipamentos da aeronave conseguem reduzir a potência de alguns dos sinais de rádio emitidos pelo seu celular, o que faz com que ele não seja uma grande ameaça. Isso, se for o único ligado dentro da aeronave.
Imagine que 50 pessoas dentro do voo decidam que não vão ativar o modo avião, por considerar o celular inofensivo demais. O ruído de um deles pode até não fazer diferença, mas se somar todo o conjunto de aparelhos, o piloto pode precisar lidar com um verdadeiro caos.

Sinal de internet

De acordo com um engenheiro identificado como Coenraad Loubser, quanto mais fraco é o sinal que o seu celular recebe, mais ele amplifica as ondas de rádio emitidas para tentar alcançar uma resposta das torres de comunicação, o que gera a possível interferência.
Se isso é um risco, então, porque alguns aviões permitem o uso do celular ou de redes wi-fi dentro da aeronave?
Quando isso é permitido, o seu celular está se comunicando com estações localizadas dentro do próprio avião, o que faz com que não exista nenhum distúrbio durante o voo. Em contraste com os sinais GSM, 3G e 4G, o Wi-Fi é muito mais fraco, não oferecendo o risco de problemas.
Sabendo disso tudo, é comum que os telefones sejam colocados no modo avião por cortesia. Ao fazer isso, você demonstra respeito pelos trabalhadores que estão se esforçando para controlar a aeronave sem precisar lidar com pequenos problemas no meio do caminho.

fonte:fatosdesconhecidos.com.br


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...